R. Dona Adma Jafet , 115, Bela Vista | Hospital Sírio-Libanês - São Paulo 11 3394.5007 contato@ortopedistajoelho.com.br


Ondas de Choque para Tratar Tendinites

O tendão é a parte do músculo que se conecta ao osso para dar movimento ao esqueleto. O excesso de exercício, movimentos realizados de forma inadequada, falta de descanso entre atividades físicas, entre outras causas, podem ocasionar inflamação do tendão, uma doença que chamamos de tendinites.

O tendão deve ser forte suficiente para suportar a força de contração do músculo sem se desconectar do osso. Entretanto, a tendinite provoca, progressivamente, alterações estruturais do tendão (ex.: espessamento, calcificação, inchaço) que diminuem sua resistência para suportar a força de contração muscular, tornando-o mais suscetível à ruptura. Por esses motivos, recomenda-se tratar a tendinite precocemente, antes de surgirem alterações estruturais significativas.

Como usar as ondas de choque para tratar tendinites

O As ondas de choque para tratar tendinites são aplicadas no consultório sem necessidade de jejum. Posiciono o paciente na maca e demarco os pontos onde serão aplicadas as ondas de choque. Quando a região doente é provida de bastante massa muscular, como no quadril, geralmente não há necessidade de injetar medicamento anestésico no local.

Por outro lado, em regiões mais sensíveis à dor, aplicamos medicamento para prover efeito anestésico. De todo modo, a necessidade de realizar anestesia é sempre avaliada individualmente, porque a sensibilidade à dor varia para cada pessoa, conforme a intensidade e o local da inflamação.

Em seguida, o aparelho é ligado e as ondas de choque são aplicadas na área doente. A sessão costuma durar 15-30 minutos, variando conforme a extensão da inflamação e quantidade de regiões inflamadas. Casos mais difíceis, principalmente os pacientes que convivem com a doença há mais de 1 ano, necessitam de mais de 1 sessão, com intervalos que variam de 6 a 12 semanas.

Além das ondas de choque, prescrevo outras medidas como modificações na atividade esportiva, correção de erros ergonômicos e do gesto esportivo, fisioterapia, entre outros.

Perguntas
Frequentes

Algumas pessoas falam “Estou com dor no nervo”, mas, na verdade, querem dizer que têm algum problema no tendão. O nervo é tecido um condutor de impulsos nervosos, que transmite uma ordem, por exemplo do cérebro, para que um músculo execute um movimento.
Tendões do manguito rotador (supraespinal, infraespinal redondo menor e subescapular); tendão do cabo longo do bíceps.
Epicondilite lateral (tendões extensores dos dedos e do carpo); epicondilite medial (tendões flexores do carpo e dos dedos, e tendões pronadores); tendão do tríceps.
Tendão patelar; tendão quadricipital; tendões da pata de ganso (sartório, grácil e semitendíneo).
Tendão do glúteo médio; tendões adutores; tendões isquiotibiais proximais.

Entre em
Contato

Ainda tem alguma dúvida sobre como o Dr. Carlos Vinicius pode tratar a sua lesão? Preencha o formulário abaixo e nos envie uma mensagem!

Enviar

Receba Gratuitamente Nossa

Newsletter

Cadastre-se em nossa newsletter e receba gratuitamente nossas novidades, dicas e informações.

Gostaria de agendar e receber uma chamada em outro horário?

Você já é a 5 pessoa a solicitar uma ligação.

Deixe sua mensagem! Entraremos em contato o mais rápido possível.

Você já é a 3 pessoa a deixar uma mensagem.

Powered by: